quinta-feira, 31 de maio de 2012

AULA DA SEMANA:TRATAMENTO DE ESGOTO






Alunos do 3º ano "C"  em aula sobre o procedimento do tratamento de esgoto, sob a coordenação do professor Ednato

Divulgação dos resultados da Gincana Cultural da Escola e Premiações





















DUPLA ARMADA ASSALTA MOTOCICLISTA EM COREAÚ


Na tarde de quarta-feira (30), foi vítima de roubo na localidade de Corte Grande o digitador Orlando Carlos Gomes, 45anos, natural de Coreaú .

A vítima trafegava em sua moto Honda Titãn FAN cor vermelha e placa NUZ 9257, quando foi seguida por dois indivíduos em outra moto de cor preta, que lhe apontaram um revólver e o mandaram descer da moto. A vítima foi amordaçada com sua própria camiseta, e foi deixado em um barranco.

A dupla fugiu levando a moto e a carteira porta cédulas contendo 03 cartões do Bradesco da vítima. Os policiais do Destacamento de Coreaú (Sgt Barros, Cb Ferreira e SD Passos) empreenderam diligências no sentido de localizar e capturar os acusados, porém sem êxito até o momento.

Fonte: Camocim Polícia 24hs/Ar@aquém News

MISSA CAMPAL MARCA O FIM DO MÊS DE MAIO






Uma missa campal no largo da Matriz de Nossa Senhora da Piedade, marcou o fim do mês mariano na paróquia de Coreaú, com a coroação da imagem de Nossa Senhora de Fátima. A missa presidida pelo pároco da cidade Padre Lucione, foi marcada pela multidão que lotou a praça publica em frente a igreja matriz. Em seu discurso final, o pároco fez uma brincadeira com os fieis dizendo "vão se acostumando a trazer suas cadeiras" isso dá sinais de que provavelmente as missas dos festejos da padroeira serão campais. Vamos aguardar.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

II DIA D DA MATEMÁTICA – VILEBALDO AGUIAR - COREAÚ



                    A linguagem matemática, com seu código próprio, é a ferramenta mais precisa de que o homem dispõe para estruturar pensamentos, descrever o mundo e comunicar ideias. Proporcionar aos alunos o domínio dessa ferramenta é um dos grandes desafios enfrentados pela escola. Acreditamos que a utilização de materiais concretos, lúdicos e das novas tecnologias auxiliam e contribuem para a eficácia do aprendizado dos alunos. Guiados por estes objetivos no planejamento das atividades para o dia D da Matemática, em nossa escola, organizamos diversas atividades coordenadas pela professora Cátia Fontenele , PCA da Área e a cooperação dos Professores da Área: Benedito Aguiar, katilânia, Dizé, Osmani, Clodoaldo, Jaqueline, além da contribuição do Núcleo Gestor: Diretor Benedito e a Coordenadora Iêda e também dos professores: Ivaneide, Selma, João Neto, João Antônio. 
                     A execução das atividades foram distribuídas por temáticas: Oficinas de Nutrição e Origami; Campanha de Vacinação na Escola, Verificação de Pressão Arterial, teste de Glicemia; Salas com competição de Xadrez e Dama; jogos envolvendo as quatro operações; bingo; Animação com Tangram; Circuito na Quadra esportiva trabalhando as quatro operações básicas, velocidade, concentração e cooperação, além de uma mostra de trabalhos que foram destaque na Feira de Ciências da Escola em 2011. A participação dos alunos nas atividades foram oportunizadas desde o momento do planejamento. Destaque para o envolvimento de quase todos os alunos, seja na condução das atividades ou na participação nos jogos, competições e apresentação de trabalhos.













MUDANÇAS A VISTA NO TABULEIRO POLÍTICO DE COREAÚ


A política de Coreaú (Zona Norte) que é atípica, em todos os pleitos, deve ganhar contornos que só o dinamismo político pode explicar. Tudo está ligado a possível troca do vice na chapa do atual prefeito Roner (PSDB). A cidade anoiteceu ontem (29) em polvorosa e deve amanhecer nesta quarta (30) atônita, porém, certa de que: - Na política tudo pode acontecer, inclusive nada.
Esperemos!

LUIZIANNE TRATA SUCESSÃO COM LULA


Luizianne, Lula e Rui Falcão conversam sobre sucessão em Fortaleza.
A prefeita Luizianne Lins, que também é presidente estadual do PT, reuniu-se, na tarde de segunda-feira, em São Paulo (SP), com o ex-presidente Lula da Silva. O encontro reuniu também o presidente nacional do PT, Rui Falcão. Durou cerca de uma hora e meia, na sede do Instituto Lula, informam assessores de Luizianne.
Foram discutidos o processo sucessório em Fortaleza e os avanços da cidade nos anos de governo do PT.
Lula manifestou interesse em visitar a cidade e conhecer as obras de perto, informou a prefeita. Luizianne Lins reafirmou para Lula a disposição de manter a aliança com o PSB e com os demais partidos aliados.
“A reunião foi muito boa. Lula se comprometeu a ajudar no processo sucessório em Fortaleza”, disse Luizianne. Ela aproveitou a ocasião e entregou a Lula o primero exemplar do livro a ser lançado pelo PT/CE, fruto dos debates que aconteceram em 2011 e começo de 2012 abordando a gestão petista de Fortaleza.
Rui Falcão estará em Fortaleza no próximo domingo participando do encontro municipal do PT, do qual sairá o candidato à Prefeitura. (Via Blog do Eliomar – Foto: Instituto Lula)

MÉDICO SOBRALENSE É CONVIDADO PARA EVENTO MUNDIAL NOS EUA


O neurocirurgião sobralense Gerardo Cristino Filho foi convidado para participar como professor visitante do 1º Curso Internacional de Anatomia Neurocirúrgica em Cadáver Fresco Congelado, em Miami - Flórida - Estados Unidos. O Curso acontecerá entre os dias 24 e 26 de junho, no Larkin Hospital Miami e no Miami Anatomy Center.
Este Curso tem o objetivo de qualificar neurocirurgiões de todo o mundo e inclui visitas clínicas e práticas cirúrgicas. Haverá também uma atualização em radiocirurgia. Esta visita proporcionará um intercâmbio entre a anatomia e a neurocirugia da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará - Campus de Sobral, University Of Miami School of Medicine e Larkin Hospital.
(Via Blog Sobral em Revista - Na foto: Gerardo Cristino ao lado do filho Eduardo)

Prefeitura de Viçosa inscreve para concurso público

A Prefeitura de Viçosa do Ceará abriu as inscrições do concurso para provimento de 556 vagas, com oportunidades para todos os níveis. As inscrições poderão ser feitas de forma presencial, até o dia 19 de junho, das 7h30 às 12h e das 14h às 17h, no Centro Administrativo Catinguba (Rua José Siqueira, sem número, bairro de Fátima). Os candidatos deverão preencher a ficha de inscrição pagar uma taxa no valor de R$ 85 para cargos de nível superior, R$ 60 para nível médio, R$ 45 para nível fundamental completo e de R$ 40 para nível fundamental incompleto.
Confira as oportunidades de acordo com o nível de escolaridade exigido:
Nível Fundamental Incompleto
Auxiliar de Serviços Gerais; Operador de Máquinas – Motoniveladora; Operador de Máquinas – Trator Agrícola e Vigia.
Nível Fundamental Completo
Bombeiro Hidráulico; Motorista Categoria B; Motorista Categoria C e Motorista Categoria D.
Nível Médio
Agente Administrativo; Agente de Saúde; Agente de Combate a Endemias; Autocadista; Atendente de Consultório Dentário; Auxiliar Administrativo; Auxiliar de Enfermagem; Digitador; Guarda Municipal 3ª classe; Secretário Escolar; Técnico em Edificações; Técnico em Enfermagem; Técnico em Raio X; Topógrafo; Professor Brinquedista; Professor de Educação Infantil (Creche) e de 1º ao 5º ano do ensino fundamental e Inspetor Sanitário.
Nível Superior
Assistente Social; Bibliotecário; Enfermeira/Obstetra; Enfermeiro PSF; Farmacêutico; Fisioterapeuta; Fonoaudiólogo; Médico Clínico Geral; Médico Ginecologista/Obstetra; Médico PSF; Médico Traumato-Ortopedista; Nutricionista; Odontólogo PSF; Professor de Informática; Psicólogo; Professor de Ensino Fundamental II (Classe B) de 5º ao 9º ano do ensino fundamental; Professor de Educação Física e Terapeuta Ocupacional.
Seleção
As provas objetivas têm data prevista de aplicação no dia 24 de junho, em locais e horários posteriormente divulgados no site da empresa organizadora.
Muito prazer
O certame será realizado pelo Instituto Nordestino de Educação Políticas, Administrativas e Sociais (Inepas).

Copa das Confederações – Seleção Brasileira vai jogar em Fortaleza

“O Comitê Organizador Local e a Federação Internacional de Futebol (Fifa) anunciaram hoje (30) a tabela dos jogos da Copa das Confederações de 2013. A seleção brasileira vai disputar partidas em Brasília, Fortaleza e Salvador.
O jogo de abertura será no dia 15 de junho, na capital federal. Caso o Brasil não chegue à final, a última partida será em 22 de junho, em Salvador. Antes disso, a seleção também joga em Fortaleza. Todos os jogos estão previstos para as 16 horas.
A grande final da Copa das Confederações está marcada para 30 de junho no Rio de Janeiro, às 19 horas. O jogo que definirá o segundo e o terceiro lugar será disputado em Salvador, às 13 horas.
Para a competição, além do Brasil, país-sede, estão confirmadas as seleções do Uruguai (Copa América), do Japão (Copa asiática) e da Espanha (atual campeão). Os demais concorrentes sairão do torneio europeu (Uefa), da Copa da Oceania de 2012 e da Copa Africana de 2013.
A Fifa não anunciou o preço dos ingressos, mas disse que tendem a ser mais baratos que os da Copa do Mundo.”
(Agência Brasil)

terça-feira, 29 de maio de 2012

Convenções - Maioria dos partidos não definiu a data

Os partidos políticos em Fortaleza, preocupados apenas em apresentar um nome à sucessão Municipal, e, muitos, esperando a decisão do Partido dos Trabalhadores e definição de aliança com PSB e PMDB, ainda não decidiram as datas das suas convenções partidárias. Apesar de a maioria das agremiações já ter formado chapa proporcional, a definição de suas candidaturas ficará mesmo para o prazo final de realização de convenções, no dia 30 de junho.

A partir do dia 10 do próximo mês, as legendas já poderão apresentar o grupo de vereadores e os seus candidatos a prefeito e terão até o último dia de junho (30) para realizar suas convenções. Até o momento, somente o PTC, PDT e PCdoB, têm datas pré-definidas para o ato, sendo que este último ainda poderá mudar o dia para realização do encontro.

De acordo com o presidente da executiva municipal do PCdoB na Capital, Luís Carlos Paes, a convenção eleitoral do partido envolve os diversos debates que estão sendo realizados ao longo do ano em alguns bairros da cidade. Segundo informou, nessas reuniões são debatidos os projetos que deverão compor o plano de governo da legenda, e no último encontro foi decidido o dia 24 de junho, como a data para a realização da convenção municipal.

No entanto, devido as indefinições de alguns partidos que foram convidados a participar de uma aliança com o PCdoB, este ainda analisará a viabilidade de uma convenção nesse dia, ou em outra data, em conjunto com prováveis aliados.

Indefinição

O presidente municipal do PTC em Fortaleza, vereador Ciro Albuquerque, continua a afirmar que sua legenda realizará convenção no próximo dia 10 de junho em local ainda não definido, com 65 candidatos à eleição proporcional, sem coligação. O parlamentar afirma ainda que a agremiação não irá mais lançar candidatura própria a prefeito, e deve acompanhar os passos do PSB do governador Cid Gomes.

O PDT também marcou para o último domingo de junho (24) a realização de convenção para homologar a candidatura do deputado Heitor Férrer. O encontro irá acontecer no Náutico Atlético Cearense, quando será apresentado ainda a chapa de parlamentares para o Legislativo, que ainda não foi fechada.

No PMDB, a definição ficará para depois da escolha petista à sucessão de Luizianne Lins. O partido tem um compromisso com o PSB e, provavelmente, irá realizar uma convenção conjunta com o aliado. Caso PSB mantenha aliança com os petistas, os peemedebistas o seguirão.


Fonte: Jornal Diário do Nordeste

GOVERNO DO ESTADO DECRETA SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA EM 168 MUNICÍPIOS


Foto: Leonardo Heffer / Ne10 Ceará
O governador do Ceará, Cid Gomes, assinou, na tarde desta segunda-feira, 28, o Decreto que declara a situação de emergência em 168 municípios. O reconhecimento da situação dos municípios foi feito durante reunião do governador com prefeitos e deputados, no Centro de Convenções. A reunião tratou de ações de combate aos efeitos da estiagem.

Além da situação de emergência, o governo do Estado também anunciou o pagamento de uma parcela extra do Programa Garantia Safra, no valor de R$ 136,00, em junho. O Estado irá fazer o pagamento aos municípios que tiverem suas dívidas quitadas até o próximo dia 5. De acordo com o governo, 239.982 agricultores serão beneficiados com um desembolso total de R$ 32.637.552,00.
Redação O POVO Online

ESQUISITICES OFICIAIS


  "Eu tive acesso aos resultados (do Spaece das escolas nota 10 do 2º ano do fundamental I) e verifiquei a lei e o decreto que criou a escola nota 10 e percebi que o critério estabelecido para definir a premiação destas escolas não condizem com a realidade.
  O resultado que deveria prevalecer é o da pontuação por proficiência, no entanto eles deram a premiação pela quantidade de alunos em sala. Ou seja, o resultado não foi qualitativo, mas quantitativo.
  Eu estou achando isso muito estranho. Mandei novamente um e-mail para a SEDUC solicitando uma audiência em Fortaleza, para que eles me esclareçam este critério de premiação, pois até o momento não estou convencido da veracidade e da imparcialidade quanto a estes resultados. Eu quero ir pessoalmente à SEDUC buscar estas explicações."

  (José Mário Moreira, Coreaú)

CRUA REALIDADE!



O DESOLADO

Fonte: Blog Coreausiará

I OLIMPIADA EM HISTÓRIA DO BRASIL DA ESCOLA VILEBALDO AGUIAR PROVA - TERCEIRA FASE



01.Questão Leia o texto. “A língua de que [os índios] usam, toda pela costa, é uma: ainda que em certos vocábulos difere em algumas partes; mas não de maneira que se deixem de entender. (...) Carece de três letras, convém a saber, não se acha nela F, nem L, nem R, coisa digna de espanto, porque assim não tem Fé, nem Lei, nem Rei, e desta maneira vivem desordenadamente (...)." (GANDAVO, Pero de Magalhães, História da Província de Santa Cruz, 1578.) A partir do texto, pode-se afirmar que todas as alternativas expressam a relação dos portugueses com a cultura indígena, exceto:
a) A busca de compreensão da cultura indígena era uma preocupação do colonizador.
b) A desorganização social dos indígenas se refletia no idioma.
c) A diferença cultural entre nativos e colonos era atribuída à inferioridade do indígena.
d) A língua dos nativos era caracterizada pela limitação vocabular.


02. Questão A sociedade colonial brasileira "herdou concepções clássicas e medievais de organização e hierarquia, mas acrescentou-lhe sistemas de graduação que se originaram da diferenciação das ocupações, raça, cor e condição social. (...) as distinções essenciais entre fidalgos e plebeus tenderam a nivelar-se, pois o mar de indígenas que cercava os colonizadores portugueses tornava todo europeu, de fato, um gentil-homem em potencial. A disponibilidade de índios como escravos ou trabalhadores possibilitava aos imigrantes concretizar seus sonhos de nobreza. (...) Com índios, podia desfrutar de uma vida verdadeiramente nobre. O gentio transformou-se em um substituto do campesinato, um novo estado, que permitiu uma reorganização de categorias tradicionais. Contudo, o fato de serem aborígines e, mais tarde, os africanos, diferentes étnica, religiosa e fenotipicamente dos europeus, criou oportunidades para novas distinções e hierarquias baseadas na cultura e na cor." (Stuart B. Schwartz, Segredos internos.) A partir do texto pode-se concluir que:
a) a diferenciação clássica e medieval entre clero, nobreza e campesinato, existente na Europa, foi transferida para o Brasil por intermédio de Portugal e se constituiu no elemento fundamental da sociedade brasileira colonial.
b) a presença de índios e negros na sociedade brasileira levou ao surgimento de instituições como a escravidão, completamente desconhecida da sociedade européia nos séculos XV e XVI.
c) os índios do Brasil, por serem em pequena quantidade e terem sido facilmente dominados, não tiveram nenhum tipo de influência sobre a constituição da sociedade colonial.
d) a diferenciação de raças, culturas e condição social entre brancos e índios, brancos e negros tendeu a diluir a distinção clássica e medieval entre fidalgos e plebeus europeus na sociedade.


03. Questão "O governo-geral foi instituído por D. João III, em 1548, para coordenar as práticas colonizadoras do Brasil. Consistiriam estas últimas em dar às capitanias hereditárias uma assistência mais eficiente e promover a valorização econômica e o povoamento das áreas não ocupadas pelos donatários." (Manoel Maurício de Albuquerque. Pequena história da formação social brasileira. Rio de Janeiro: Graal, 1984. p. 180.) As afirmativas abaixo identificam corretamente algumas das atribuições do governador-geral, à exceção de:
a) Estimular e realizar expedições desbravadoras de regiões interiores, visando, entre outros aspectos, à descoberta de metais preciosos.
b) Visitar e fiscalizar as capitanias hereditárias e reais, especialmente aquelas que vivenciavam problemas quanto ao povoamento e à exploração das terras.
c) Distribuir sesmarias, particularmente para os beneficiários que comprovassem rendas e meios de valorizar economicamente as terras recebidas.
d) Organizar a defesa da costa e promover o desenvolvimento da construção naval e do comércio de cabotagem. 
 
04. Questão Chama, num eufemismo envergonhado, ‘o encontro’ de sociedades do Antigo e do Novo Mundo.”
CUNHA, Manuela Carneiro da (org). História dos índios no Brasil. 2ª ed. São Paulo: Cia das Letras, 1998. p. 12.
A chegada dos europeus no que veio a ser por eles denominado de América, ocasionou o encontro entre sociedades que se desconheciam. No caso dos que estavam a serviço da Coroa de Portugal, o encontro formalizou contatos, confrontos, alianças com tribos nativas litorâneas, grande parte de origem tupi.
Acerca desse encontro entre portugueses e tupis nas terras que vieram a ser chamadas de
Brasil, é correto afirmar que:
a) entre 1500 e 1530, os contatos foram pacíficos e amistosos, facilitando o estabelecimento
das práticas de escambo do pau-brasil e o surgimento dos primeiros aldeamentos
organizados por jesuítas;
b) o desconhecimento por parte dos nativos de qualquer tipo de agricultura foi o principal
obstáculo para a utilização de sua mão-de-obra no estabelecimento da lavoura
canavieira; isso somado à resistência à catequese ocasionou confrontos constantes
entre portugueses e tupis
c) as intenções de colonizadores portugueses – “expandir a fé e o Império” – bem como
suas práticas colonizadoras – doação de sesmarias, estímulos ao cultivo da cana, catequese
dos nativos –, transformaram o encontro em um desastre demográfico para as
tribos tupis do litoral;
d) os rituais antropofágicos praticados pelos tupis, ao lado das rivalidades constantes entre
as tribos, foram fatores que contribuíram para a predominância de choques militares
com os portugueses, tornando inevitáveis, por sua vez, a ocorrência de guerras justas;

05. Questão
Aqui espero tomar, senão me engano
De quem me descobriu, suma vingança
E não se acabará só nisso o dano
Da vossa pertinaz confiança:
Antes em vossas naus vereis a cada ano,
Se é verdade o que o meu juízo alcança,
Naufrágios, perdições de toda sorte,
Que o menor mal de todos seja a morte!
Os versos de Camões, em Os lusíadas, retratam os perigos dos navegantes portugueses no mar infinito e, em especial, um episódio ocorrido com a esquadra de Cabral rumo às Índias após o descobrimento do Brasil, quando dobrava o Cabo da Boa Esperança. Assinale a alternativa correta.
a) Os versos falam do naufrágio da nau de Bartolomeu Dias, que anos antes dobrara no mesmo lugar o Cabo das Tormentas, abrindo caminho para atingir as Índias.
b) Camões descreve o episódio da nau de Diogo Dias, desgarrada da esquadra.
c) Os versos falam da nau de Sancho de Tovar, encalhada em Melinde e posteriormente incendiada por ordem de Cabral.
d) Camões refere-se à nau de Vasco de Ataíde, que desapareceu no início da viagem de Cabral ao Brasil.
e) O poeta fala da segurança das viagens que acompanharam o período denominado “Carreira das Índias”.

06. Questão Ao comentar a arte brasileira, Benedito L. de Toledo faz a seguinte descrição:
E se olharmos para o teto, veremos o próprio céu retratado em pintura ilusionística no forro,
que foi rompido para mostrar o Paraíso com a Virgem, os anjos e os santos. A talha usará colunas torcidas recobertas de vinhas e povoada de querubins, aves, frutos, cada elemento procurando vibrar e tomar todo o espaço possível. As colunas torsas serão as grandes eleitas porque sua estrutura helicoidal é o próprio movimento sem fim. À noite, os interiores das igrejas revelam novas surpresas. A iluminação à vela produz uma luz vacilante que faz vibrar o ouro da talha, dramatiza as pessoas e as imagens. Sente-se que se está num espaço consagrado pelo perfume do incenso vindo do altar-mor, onde é mais intenso o brilho do ouro na luz incerta das velas.”
[adaptação] TOLEDO, Benedito Lima de. Apud: FERREIRA, Olavo Leonel. História do Brasil, São Paulo: Ática, 1995. p. 166.
O autor da descrição se refere ao caráter essencial do estilo:
a) Barroco – Lirismo, apelo à emoção, busca de uma dinâmica infinita, solicitação de todos os sentidos.
b) Naturalista – solidez, despertar da fé pela contemplação da natureza, quer do reino animal, vegetal ou mineral.
c) Gótico – grandiosidade e leveza, tornada possível graças ao emprego de arcos em forma de ogiva e de inúmeros vitrais.
d) Neoclássico – ênfase na harmonia e no equilíbrio, apelo às faculdades racionais do homem e realce para os elementos estruturais da construção.

07. Questão Leia as afirmativas a seguir, referentes à Guerra do Paraguai (1864-1870).
I. A forte retração demográfica verificada no Paraguai durante o confronto bélico ocorreu
devido às mortes em combate, às epidemias e à fome.
II. Um dos elementos deflagradores dessa Guerra foi a intervenção brasileira no Uruguai,
que culminou com a deposição do presidente Atanásio Aguirre.
III. O conflito envolvendo o Paraguai versus a Tríplice Aliança foi decorrência exclusiva
dos interesses econômicos do imperialismo britânico na América do Sul.
Quais estão corretas?
a) Apenas I. b) Apenas II.
c) Apenas III. d) Apenas I e II.

08. Questão Um dos fatores determinantes para a crise do Segundo Reinado foi a denominada
Questão Militar. Sobre essa questão e seus desdobramentos na política brasileira, são feitas as afirmações abaixo:
I. A Questão Militar foi uma clara demonstração da insatisfação de setores do Exército em relação às elites civis – os casacas —, que controlavam a política nacional.
II. Os integrantes do Exército que participaram da derrubada da Monarquia eram influenciados pelas idéias positivistas, sendo defensores de um projeto de república autoritário.
III. Após a instauração da República, os militares não intervieram mais na política nacional até a eclosão do golpe de 1964.
Quais estão corretas?
a) Apenas II.
b) Apenas I e II.
c) Apenas I e III.
d) Apenas II e III.

09. Questão Observe, com atenção, a ilustração abaixo.


A figura se relaciona à elite brasileira na segunda metade do século XIX. A respeito da
referida representação, é correto afirmar que:
a) a influência da cultura francesa no processo de urbanização expressou-se na moda valorizada
por ambos os sexos.
b) a modernização na maneira de vestir deveu-se à criatividade da elite nacional, que conseguiu
romper com a tradição.
c) o uso do “fraque” pelos homens e a valorização dos vestidos longos pelas mulheres
restringiam-se às ricas Províncias do Sul.
d) a liberdade das mulheres de passearem sozinhas nas cidades representou o primeiro
passo da emancipação feminina.

10. Questão
ESCRAVOS”
Vende uma pessoa chegada há pouco do Norte bonitos e moços, entre elles notão-se um oficial
de ourives, uma bonita crioula, uma parda de 18 a 20 annos com habilidades, um preto padeiro e
forneiro, um bonito pardo de 17 annos, optimo para pagem e mais pretos moleques; na rua da
Alfandega n. 278.”
Jornal do Commercio, 1854. Apud: NOVAIS, Fernando. A História da Vida Privada no Brasil, v. 2. São Paulo: Companhia das Letras, 1997, p. 251.
O anúncio acima, publicado num Jornal do Rio de Janeiro, indica que os referidos escravos eram oriundos de uma Província do Norte, classificação onde se inseria o Ceará, que participou do comércio negreiro interprovincial, em virtude:
a) da promulgação da Lei do Ventre Livre que proibia a permanência da mão-de-obra escrava nas atividades agrárias algodoeiras.
b) da qualificação dos escravos, garantida através da educação ministrada pela Igreja e apoiada pelos abolicionistas locais.
c) do fracasso da campanha desenvolvida por Francisco Nascimento, o Dragão do Mar, contra o comércio de escravos.
d) da proibição do tráfico negreiro internacional e da ausência de atividade produtiva que dependesse sobretudo do trabalho escravo.

11. Questão O Bloqueio Continental, em 1807, a vinda da família real para o Brasil e a abertura dos portos em 1808, constituíram fatos importantes
a) na formação do caráter nacional brasileiro;
b) na evolução do desenvolvimento industrial;
c) no surgimento das disparidades regionais;
d) na constituição do ideário federalista.

12. Questão Os Estados Nacionais que se organizam depois das independências no Brasil e nos países americanos de colonização espanhola, entre as décadas de 1820 e 1880, são semelhantes quanto à
a) vontade de participar do comércio internacional e diferentes quanto à adoção de regimes
políticos.
b) decisão de imediata abolição da escravidão e diferentes com relação à defesa da propriedade
comunal indígena.
c) defesa do sufrágio universal e diferentes com relação às práticas do liberalismo econômico.
d) defesa da ampliação do acesso à terra pelos camponeses e diferente com relação à
submissão à Igreja Católica.

13. Questão- Veja a charge e responda à questão:

Fonte: http://maallulopes.blogspot.com/2011/03/revolta-da-vacina.html
A situação do Rio de Janeiro, no início do século XX, era precária. A população sofria com a falta de um sistema eficiente de saneamento básico. Este fato desencadeava constantes epidemias. A população de baixa renda, que morava em habitações precárias, era a principal vítima deste contexto.
Podem ser ditas como doenças daquela época:
(A) febre amarelapeste bubônica e varíola.
(B) dengue, peste bubônica e varíola.
(C) febre amarela, gangrena e varíola.
(D) dengue, febre amarela e gripe espanhola.

14. Questão A República Velha (1889-1930), ao longo da história, deve ser vista, na realidade, como a expressão de um Estado oligárquico.
Leia as alternativas abaixo, e escreva V nas frases verdadeiras e F nas falsas:
( ) A “a política do café com leite” foi uma aliança entre as oligarquias mineira e paulista.
( ) A República Velha caracterizou-se pelo governo exclusivo dos militares, sendo por isso chamada de República da Espada.
( ) “Voto de cabresto” era o nome dado ao voto aberto, sistema pelo qual os eleitores eram obrigados a declarar publicamente o seu candidato, ficando sujeito às pressões dos “coronéis”.
( ) No início da década de 1920, crescia o descontentamento social contra o tradicional sistema oligárquico que dominava o poder político brasileiro.
A sequência correta é:
a) F, V, F, F.
b) F, V, F, V.
c) V, F, V, V.
d) V, F, V, F.

15. Questão No final de seu mandato, o Presidente Itamar Franco estava no auge da popularidade e transferiu todo o seu prestígio para a candidatura de Fernando Henrique Cardoso, indicado pelo PSDB para disputar as eleições presidenciais de 1994.
A vitória de Fernando Henrique Cardoso nessas eleições teve como fator decisivo a:
  1. A redução da criminalidade no campo, devido ao programa de reforma agrária que prevê tolerância em relação à invasão de terras produtivas no país.
  2. Politica externa de importação de produtos do MERCOSUL, com o objetivo de reduzir as taxas alfandegárias, resultando em preços mais atrativos no mercado brasileiro.
  3. Implantação do Plano Real, que criou uma moeda estável no país após décadas de inflação.
  4. Queda do desemprego, devido à adoção do plano de estatização e intervenção reguladora do Estado na economia.
16. Questão Como previa a constituição de 1988, as eleições de 1989 ocorreram em dois turnos. O primeiro turno, realizado em 15 de novembro, teve como vencedor Fernando Collor de Mello e Luís Inácio Lula da Silva. O segundo foi marcado por forte polarização ideológica: Collor e Lula eram as novas caras da direita e esquerda do Brasil. Em 17 de novembro de 1989, os eleitores brasileiros voltaram às urnas para o segundo turno. Collor venceu com 42,75% dos votos contra 31,07% de Lula. Houve 14,4% de abstenções, 1,2% dos eleitores votaram em branco e 3,7% anularam o voto.
Dentre os fatores que favoreceram a vitória, por reduzida margem de votos, de Fernando Collor de Mello sobre Luís Inácio Lula da Silva, no segundo turno das eleições de 1989, apontamos:
  1. As táticas amedrontadoras de Collor sobre o eleitorado conservador, o confronto ideológico e o apoio da mídia.
  2. A oposição do governo norte americano ao candidato Collor de Mello, já que esse se posicionava contra ao modelo neoliberal.
  3. A convicção de Lula de privatizar estatais e o discurso moralizante assuntaram os segmentos mais ilustrados da classe média.
  4. A proposta social de Collor, francamente favorável à reforma agrária, e a defesa de um maior papel do Estado na economia.
17. Questão Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, de 26 de agosto de 1789, proclama, ao mesmo tempo, a igualdade entre os homens e a preservação do direito de propriedade, cuja distribuição entre os homens é habitualmente muito desigual. No contexto das idéias liberais da época em que o documento foi redigido, é correto afirmar que,
a) o caráter contraditório do documento se deve a que a Assembléia Nacional Constituinte quis contentar a todas as facções.
b) não é contraditório que ele proclame, ao mesmo tempo, a igualdade e o direito de propriedade, já que se pretendia estender o acesso à propriedade a todos os franceses.
c) é contraditória a proclamação simultânea da igualdade e do direito de propriedade, já que, se a distribuição da propriedade for igualitária, torna-se impossível a liberdade.
e) não é contraditório que ele proclame, ao mesmo tempo, a igualdade e o direito de propriedade,
já que a liberdade a que se refere é exclusivamente civil, legal e institucional.

18. Questão A charge da revista ilustra

a) os conflitos do governo de Getúlio Vargas com as companhias norte-americanas para nacionalizar a extração e produção de petróleo.
b) a pressão de empresas internacionais contra o processo de nacionalização do petróleo brasileiro, intensificado após a 2ª Guerra Mundial.
c) a crise de produção de petróleo, após a 2ª Guerra Mundial, que levou as “sete irmãs” a exigirem a desnacionalização da produção no Brasil.
d) o momento da criação da Petrobrás, com o apoio das companhias de petróleo internacionais, interessadas em explorar o solo brasileiro.

19. Questão Sobre os últimos 50 anos no Brasil, é possível afirmar que:
a) cresceu a população das cidades, desapareceu a dependência econômica e acentuou-se
o preconceito racial.
b) progrediu a tendência ao federalismo, a Igreja Católica perdeu seu poder e foram raras
as crises econômicas.
c) aumentou o setor de serviços, houve significativo êxodo rural e a condição da mulher
transformou-se.
d) melhorou a pesquisa científica, a economia atingiu patamares de primeiro mundo e a
tecnologia alcançou a maioria da população.

20ª Questão: Tarefa
PATRIMÔNIO HISTÓRICO E CULTURAL

A Constituição da República Federativa do Brasil estabelece que o poder público, com a cooperação da comunidade, deve promover e proteger o "patrimônio histórico e cultural brasileiro".
Dispõe ainda que esse patrimônio é constituído pelos bens materiais e imateriais que se referem à identidade, à ação e à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasileira, como sejam:
  • as formas de expressão
  • os modos de criar, fazer, viver;
  • as criações científicas, artísticas e tecnológicas;
  • as obras, objetos, documentos, edificações e demais espaços destinados às manifestações artístico-culturais;
  • os conjuntos urbanos e sítios de valor histórico, paisagístico, artístico, arqueológico, paleontológico, ecológico e científico.

Esses bens materiais e imateriais que formam o patrimônio histórico e cultural brasileiro são, portanto, os modos específicos de criar e fazer (as descobertas e os processos genuínos na ciência, nas artes e na tecnologia); as construções referenciais e exemplares da tradição brasileira , incluindo bens imóveis (igrejas, casas, praças, conjuntos urbanos) e bens móveis (obras de arte ou artesanato); as criações imateriais como a literatura e a música; as expressões e os modos de viver, como a linguagem e os costumes; os locais dotados de expressivo valor para a história, a arqueologia, a paleontologia e a ciência em geral, assim como as paisagens e as áreas de proteção ecológica da fauna e da flora.

Quando se preserva legalmente e na prática o patrimônio histórico e cultural, conserva-se a memória do que fomos e do que somos: a identidade da nação. Patrimônio, etimologicamente, significa "herança paterna"- na verdade, a riqueza comum que nós herdamos como cidadãos, e que se vai transmitindo de geração a geração.


Com base no texto acima descrito e de acordo com os seus conhecimentos acerca do assunto supracitado, elabore um texto de cunho dissertativo, com o seguinte tema: “Do Patrimônio Histórico e Cultural do meu município eu cuido. E você?”

OBS: O texto dissertativo deve obedecer ao número mínimo de 15 linhas e o máximo de 25 linhas; deverá conter uma fotografia que possa caracterizar o tema proposto, que deve ser feito obedecendo a Norma Culta da Língua Portuguesa, sendo que o mesmo deverá ser produzido em folha de modelo padrão elaborado pela Equipe Organizadora da referida Olimpíada, que encontra-se disponível na Sala de Multimeios da Escola Vilebaldo Aguiar, devendo ser entregue pelas equipes no prazo estabelecido pelo referido Edital.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

BRASILEIROS JÁ PAGARAM R$ 600 BILHÕES EM IMPOSTOS NO ANO


O ano de 2012 ainda não chegou à metade e os brasileiros já pagaram, até o momento, R$ 600 bilhões em impostos municipais, estaduais e federais. A cifra foi atingida na madrugada desta segunda-feira (28), segundo a Associação Comercial de São Paulo (ACSP). Em 2011, o "Impostômetro", painel que calcula a arrecadação, atingiu esta marca três dias mais tarde, no dia 31 de maio.
Para o presidente da ACSPe da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Rogério Amato, mesmo com a desaceleração do crescimento dos impostos, os governos continuam arrecadando mais dinheiro do que o necessário para melhorar os serviços públicos.
Fonte: economiasc.com